ze manel dos ossos tasca restaurante tipico coimbra arroz de feijao com costeletinhas de porco

ZÉ MANEL DOS OSSOS (Coimbra)

Uma verdadeira Estrela Michelin… das tascas!

Por motivos de trabalho, tenho andado por Coimbra muitas vezes nos últimos 6 meses. E todas as vezes que por lá jantei, houve sempre uma sugestão unânime: o Zé Manel dos Ossos. “Tens mesmo de ir lá, vale mesmo a pena, é um espectáculo! A melhor tasca da zona!”… coisas que me deixam logo com água na boca!
Mas depois, pelas mais diversas razões, fomos escolhendo outros sítios para jantar, e o Zé Manel foi ficando para trás… mas só até há uns dias. E só me arrependi de não ter ido lá mais cedo! Porque tenho para mim que há tascas que mereciam a sua própria Estrela Michelin, porque são perfeitas em todos os aspectos – comida, serviço, ambiente e preço. E se isso existisse, o Zé Manel dos Ossos teria sem dúvida a dita Estrela!

ze manel dos ossos

É ir ter ao centro de Coimbra e andar pelas ruelas a pé até chegar ao Bêco do Forno. É para quem conhece, mas como toda a gente conhece, acabamos por ir lá ter. O espaço é minúsculo, umas 6 mesas, e as paredes estão cheias de todo o tipo de bugigangas decorativas, parvoíces várias e mensagens escritas pelos clientes em pedaços da toalha de mesa. O que torna o tempo que ali estamos ainda mais divertido, enquanto vamos lendo o que temos à nossa volta. Maravilhoso!

É a primeira vez que entramos no restaurante, mas somos recebidos como amigos! Como uma tasca deve ser, quer sejam locais ou estrangeiros, repetentes ou não, toda a gente faz parte da casa.

Perguntamos ao Zé Manel o que é que ele aconselha, coisas típicas, coisas boas. E ele aconselha-nos a provar várias coisas diferentes, que vai trazendo para a mesa como se fosse um menu de degustação. E, claro, o primeiro prato que temos de provar é o ex-libris da casa: os ossos. Que são isso mesmo, ossos. Ossos do cachaço, cozidos, com alguma carne agarrada, mas tão tenra que se desfaz quando a puxamos. Muito sabor, com um toque ligeiramente picante. Quer seja como petisco ou como prato principal, é uma maravilha!

ze manel dos ossos

Depois, siga a festa! Outra especialidade da casa, o lombo de javali assado no forno, é mais um daqueles pratos simples mas que são tão saborosos que nos apetece continuar a comer depois de acabar. O lombo muito bem apurado, molho para o pão que ainda sobra no cesto, com uns pedaços de chouriço para o tornar mais intenso, e uma batata assim meio esmagada que é uma delícia.

Prato final da “degustação”, o arroz de feijão malandrinho com costeletinhas de porco… novamente uma coisa simples mas deliciosa! A carne cortada em pedaços pequenos, bem grelhada e também com um toque picante, e o arroz, meus senhores, o arroz de feijão, no ponto certo. Comida de conforto é isto, sentir que estamos em casa, que aquele prato tem alma, que foi feito especialmente para nós. Coisas simples e boas.

ze manel dos ossos

Meias doses do tamanho de doses inteiras, bem servidas como não se vê em Lisboa. E o preço, minha gente, o preço é tão baixo que até parece mentira!

Mas ainda não ficamos por aqui… “Para sobremesa, vão ter de experimentar o nosso vomitado!” Sim, isso mesmo. Um doce de ovos e amêndoa, carinhosamente apelidado de vomitado, servido de forma tosca, mas isso não interessa rigorosamente nada! Sem ser excessivamente doce, é um final perfeito para uma refeição brutal!

A acompanhar tudo, vinho da casa, a jarro, barato e bom, mesmo bom. Aliás, transversal a tudo: barato e muito bom. Como podia ser em todos os restaurantes, como devia ser.

Já sabíamos que o Zé Manel dos Ossos era um preferido de muita gente em Coimbra, mas para nós tornou-se um favorito de todo o país. Pelo pitoresco do espaço, pela simpatia contagiante, pelo ambiente tão genuíno que apetece fazer lá todas as refeições. E, claro, pela comida: simples, honesta, deliciosa.

Um restaurante com alma. Uma verdadeira Estrela Michelin das tascas!

Preço Médio: 10€ pessoa (com vinho da casa)

Informações & Contactos:
Beco do Forno, 12 | 3000-192 Coimbra | 239 823 790

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.