LA PURA VIDA

LA PURA VIDA

Demasiado barulho por nada.

Quem nos segue regularmente e há muito tempo, sabe perfeitamente qual é a lógica por trás daquilo que escrevemos. O que fazemos é ir a restaurantes porque gostamos muito de conhecer sítios novos (sejam eles realmente novos ou simplesmente restaurantes que não conhecemos) e escrever sobre a nossa experiência nesses restaurantes. Não temos ligações a nenhum restaurante nem fazemos isto de forma profissional. Não somos críticos gastronómicos, nem nunca nos intitulámos dessa forma. Somos só “curiosos” e entusiastas, se quiserem.Isto tudo a propósito do nosso jantar no La Pura Vida, que criou logo um coro de indignados no Facebook e Instagram, assim que partilhámos esta foto em baixo:

La pura vida restaurante sao bento

Não é preciso muito para perceber que se partilhamos uma foto com a legenda “Ovos Rotos (com batata palha e cogumelos em lata) no La Pura Vida em São Bento”, não estamos a dar ainda a nossa opinião sobre o restaurante, apenas a comentar um prato. Só isso. Uma das respostas a esta foto foi do dono do restaurante (que diz que nos segue há vários anos), que nos garantiu que não eram cogumelos de lata mas sim cogumelos de Paris. Honestamente não foi isso que nos pareceu (e éramos 3 pessoas na mesa), mas isso é só metade do que estava mal naquele prato – na nossa opinião, claro. Fazer ovos rotos com batata palha é algo inédito para nós e, na verdade, simplesmente não resulta, porque a batata palha transforma-se numa papa em vez do que acontece com a batata frita normal. Mas algumas pessoas resolveram focar-se nisto para nos acusar de estar a tentar prejudicar o restaurante.

La pura vida restaurante sao bento

E – e isto é ainda mais engraçado – recebemos um telefonema do restaurante no dia em que postámos a foto, a querer pedir desculpas pelo facto das coisas não terem corrido bem no jantar que lá tivemos. A ideia base até podia ser boa, mas parece-nos errado que tenham utilizado o número que demos ao fazer a reserva para tentar encontrar quem fez um post nas redes sociais. E a pessoa que fez a reserva (e para quem ligaram) nem pertence ao Onde Vamos Jantar?…

E essa tentativa de desculpa/justificação nem faz muito sentido… Porque, e vamos já poupar o suspense, a questão dos cogumelos nem foi aquilo que nos correu pior no jantar no La Pura Vida. O que correu mal foi logo indicado no restaurante, e nessa noite até nos ofereceram uma sobremesa para tentar compensar. Por isso, para quê o telefonema?

E depois deste pequeno (grande) à parte, vamos então descrever o que se passou. Aliás, como sempre fazemos.

La pura vida restaurante sao bento

Fomos ter ao La Pura Vida, em São Bento, porque estamos atentos a novas aberturas e, se andarem no registo tipo mexicano, ficamos logo entusiasmados! É um guilty pleasure, se quiserem. Tentámos uma primeira vez sem reserva e sem sucesso, mas não desistimos. Marcámos mesa com 2 semanas de antecedência e lá fomos nós!

E começamos mal. Mesa marcada com duas semanas de antecedência… mas quando chegamos ao restaurante, temos de esperar. “A mesa está quase a vagar” é o que nos dizem. Como estamos à espera, bebemos um cocktail. Meia hora depois, e já com cocktail bebido, vemos que sentam outras pessoas na mesa reservada para nós. Chamamos a atenção e a resposta é um maravilhoso “ah pois é…” seguido de um ainda melhor “mas esperem só mais um bocadinho que aquela outra mesa está mesmo a terminar”. Já dissemos que a reserva foi feita com duas semanas de antecedência? Pois…

Finalmente conseguimos sentar-nos, à terceira tentativa. Enquanto esperamos que nos tragam a lista (e nesta altura estamos há quase uma hora no restaurante sem ter comido nada), podemos ver que o La Pura Vida é giro, tem pinta, naquela onde de decoração moderna e minimalista com apontamentos.

La pura vida restaurante sao bento

Estamos com fome, por isso pedimos várias coisas. E começamos com os croquetes de farinheira com mostarda chipotle, onde os croquetes são melhores que a mostarda.

La pura vida restaurante sao bento

Depois, o camarão al ajilo com tequila, numa dose que achámos francamente mal servida para o preço. O molho, pouco picante, nada de sabor a tequila. Sim, é subjectivo, porque tem a ver com o sabor. Ainda assim pedimos mais pão para terminar o molho, só que demora tanto tempo a chegar à mesa que o molho acaba por ficar frio e ainda mais desinteressante.

La pura vida restaurante sao bento

La pura vida restaurante sao bento

Seguindo em frente, agora com os tacos de carne. Nada a apontar à qualidade, nem da carne nem do guacamole, mas estamos num registo mexicano, por isso a carne devia ter mais sabor. Pedimos molho picante e ficou ligeiramente melhor. E é pena os tacos serem minúsculos… É verdade que parece uma tendência, porque é algo em que os novos mexicanos de Lisboa estão a apostar, tacos de tamanho reduzido. Mas pelo preço esperávamos um bocadinho mais.

La pura vida restaurante sao bento

A ideia era ficar pelos petiscos, mas a verdade é que esperávamos doses um bocadinho maiores, ou seja, estávamos com fome. Por isso pedimos mais uma dose de tacos e os já previamente mencionados ovos rotos. Sim, os que criaram tanta confusão nas redes sociais. Os ovos estão líquidos no interior como se quer, nada a apontar aí. E passando por cima da questão dos cogumelos, o problema é mesmo a batata palha, que torna o conjunto, quando misturado, numa espécie de “papa”. Muito diferente daquilo que os ovos rotos devem ser.

La pura vida restaurante sao bento

Para beber, e depois de 3 cocktails demasiado caros para a quantidade (ainda que sejam bons de se beber), uma sangria que só sabe a sumo. Novamente pode parecer subjectivo, mas somos 3 pessoas à mesa a achar a mesma coisa. Se calhar são opiniões…

Terminamos ainda com as sobremesas, porque qualquer refeição precisa delas. Neste caso, a mousse de maracujá, que não é surpreendente mas cumpre. E a sobremesa de oferta por causa dos atrasos é uma tarte de lima, melhor que a mousse mas sem sair do registo da normalidade.

La pura vida restaurante sao bento

No final, pagamos 26€ por pessoa, sendo que não saímos nem cheios nem completamente satisfeitos. A pergunta clássica “estava tudo bem?” é feita ainda a meio da refeição, quase de forma retórica, respondemos “mais ou menos” e reforçamos a questão da demora inicial e em alguns momentos da refeição. Isto porque tentamos, sempre que possível, dar a nossa opinião sobre o bom e o mau logo no próprio restaurante. Quem nos segue a sério sabe disso.

La pura vida restaurante sao bento

Não desejamos mal nenhum ao La Pura Vida, assim como não desejamos mal nenhum a qualquer restaurante – novo ou velho – mesmo que lá tenhamos más experiências. Mas o objectivo deste nosso projecto é descrever experiências, porque 95% das pessoas que vão a um restaurante, vão só uma vez. E se lhes corre mal, não voltam para dar uma segunda oportunidade. Isso fazem alguns críticos gastronómicos, que é o que nós efectivamente não somos.

Na nossa humilde opinião, os restaurantes têm de fazer sempre o melhor possível, para qualquer cliente, em qualquer ocasião. Estão a prestar-nos um serviço pelo qual pagamos, por isso queremos ser bem servidos. E, se alguma coisa corre mal e isso lhes é transmitido, os restaurantes têm de saber justificar, pedir desculpas e lidar com isso. No nosso caso, e dando de graça a questão dos cogumelos, aquilo que correu mal teve maioritariamente a ver com descoordenação do serviço e era perfeitamente evitável. Se a isso, que é um factor objetivo, juntarmos o facto de termos achado demasiado caro e a comida desinteressante (que são factores mais subjectivos, é verdade), então podemos dizer que não foi uma experiência positiva.

Esperamos sinceramente que o La Pura Vida aprenda com alguns erros que se cometem no início de vida de qualquer restaurante e que este tipo de situações não voltem a acontecer a mais ninguém. E também que perceba que nem todas as opiniões sobre o restaurante têm de ser positivas, ou dos amigos que dão notas máximas no Facebook ou no Zomato. Um restaurante só cresce aprendendo a ouvir todo o tipo de opiniões. E a lidar com elas.

Preço Médio: 23€ pessoa (vários petiscos, com cocktail)
Informações & Contactos:
Avenida D. Carlos I, 144 A | 1200-651 Lisboa | 21 585 4482

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.