ELEVEN

ELEVEN

Uma experiência inesquecível e verdadeiramente recomendável.

À medida que chego ao final do mês, inevitavelmente começo a pensar em escolhas de restaurante um bocado acima da média de preços que tradicionalmente sigo. Porque acredito que a qualidade se paga, quando é realmente acima da média. E há poucos espaços em Lisboa que tenham a qualidade (a nível global) do Eleven.

Eu gosto do Eleven. Sei que pode parecer pretensioso, sei que é um restaurante caro (o mais caro, pelo menos na minha “lista de habituais”), mas às vezes há investimentos que valem mesmo a pena. E aqui é impossível sairmos insatisfeitos

Porque é tudo bom.

O espaço é sofisticado e minimalista, mas muito bem iluminado e seccionado. A vista é espantosa, e como uma das paredes é completamente envidraçada, podemos usufruir dela mesmo sem estar numa mesa de janela. O atendimento é muito bom, simpático sem ser demasiado “chato”, e cada empregado está sempre pronto a falar connosco e explicar os pratos ou dar conselhos. A carta de vinhos é extensa e bem seleccionada, mas é mais certeiro se optarem pelo menu de degustação de vinhos ou mesmo pedirem uma sugestão (e aqui a sugestão nem sequer vos direcciona para as opções mais caras, mas simplesmente para as opções melhores).

E a comida? A comida é excelente!

A carta muda consoante a estação, por isso qualquer sugestão que deixasse aqui pode não constar na ementa quando lá forem. Até porque a melhor opção é mesmo ficar por um dos menus de degustação que o restaurante oferece, porque vão mesmo ficar muito satisfeitos. Por mais que as doses possam parecer pequenas, não só não o são na realidade, como ainda por cima a sua cadência de chegada à mesa é a ideal para marcar o ritmo do jantar. E sempre com pequenos toques entre os pratos, que vão tornando a refeição numa verdadeira experiência de sabores, enquanto apreciamos os vinhos e temos uma boa conversa.

São poucos os restaurantes onde consigo ficar mais de 3 horas sem que sentir farto. Mas no Eleven consigo sempre fazê-lo, e quando damos por nós vemos que esse tempo passou muito rapidamente.
Sim, é caro. Mas volto a dizer que a qualidade tem de ser paga: da comida, do serviço, do espaço. De tudo. E um dia não são dias… 

Preço Médio: 85€ pessoa (na opção de menú de degustação, com suplemento de vinhos)

Informação & Contactos:
Rua Marquês da Fronteira , Jardim Amália Rodrigues |1070-Lisboa | 213862211

[codepeople-post-map]

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.