TABERNA SANTA MARTA

Partilha!

Uma opção segura para jantares de grupo.

 

A Rua de Santa Marta deve ser uma das ruas com mais restaurantes em Lisboa. Não bate a Rua dos Correeiros, mas anda lá perto. Restaurantes porta sim porta não, e de todos os tipos: tascas, restaurantes tradicionais, pizzarias, hamburguerias, russos, indianos… enfim, de tudo um pouco. E numa sexta-feira à noite estão geralmente cheios, num misto de turistas e grupos de malta jovem. É este enquadramento que entramos na Taberna Santa Marta.

O registo é de jantar de grupo, e a Taberna Santa Marta está preparada para isso, pelo menos a nível de espaço. Duas salas, uma interior onde é mais fácil encaixar mesas de grupo. A decoração aponta assim para uma espécie de rústico, com muita madeira, pormenores meio hipster e alguns apontamentos instagramáveis.

O serviço, esse é um bocado desconexo e atabalhoado, mas vamos acreditar que são condicionantes do facto de ser um jantar de grupo.

Mas vamos então à comida, onde o menu de grupo custa 20€ e tem entradas, prato principal (com várias alternativas para escolha) e sobremesa (aqui sem escolha nenhuma). Tudo pratos da carta, o que é sempre bem pensado.

Na mesa, quando chegamos, temos pão, azeitonas e uma manteiga de alho fraquinha. As entradas vão chegando e são duas: ovos mexidos com farinheira, bons, não muito secos; e uma saladinha de bacalhau com grão, que seria melhor se a textura do bacalhau não fosse tão mole e pastosa.

Essa textura pastosa e meio estranha acompanha-nos também num dos pratos principais, o bacalhau à Gomes de Sá. Sem tempero nenhum e realmente com uma textura… estranha.

Por outro lado, temos as bochechas de porco com batatas assadas. Mesmo com um exagero de salada em cima, não está nada mau, a carne está tenra e saborosa, mas o molho podia ser um pouco menos aguado. Mas pronto, são pratos de grupo.

O melhor prato da noite é o linguini de courgete, tanto pelo ponto de cozedura como pelo sabor, onde domina o tomate. Vegetariano ou não, um prato acima da média para o registo de jantar de grupo.

Terminamos com uma mousse de chocolate com laranja, aliás, com demasiada laranja, tanta que se sobrepõe ao chocolate. Sim, uma mousse de laranja. Oi?!

Saímos do restaurante e ainda está cheio, com muito barulho e confusão. Como a maioria deles na rua. A Taberna Santa Marta cumpre o seu objetivo no registo de jantares de grupo, porque o preço não é caro, a comida não compromete e há bebida à descrição. O serviço pode não ser o melhor, mas há situações em que nos preocupamos menos com isso, porque o que interessa é a conversa e a animação. O restaurante não se destaca, serve só como enquadramento. O que já não é nada mau.

 

Preço Médio: 20€ pessoa (menu de grupo e preço aproximado da refeição, com vinho)
Informações & Contactos:
Rua de Santa Marta, 27 | 1150 Lisboa | 213 521 818

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.