daTERRA BAIXA (Porto)

daterra restaurante vegetariano baixa porto
Partilha!

Vegetarianos… mas animais!

 

Acabámos de voltar do Porto e não quero deixar passar mais tempo antes de escrever sobre o daTerra, na zona da Baixa. Percebemos que o Domingo é um dia difícil para quem quer almoçar/jantar fora no Porto, e se forem vegetarianos, então isso pode tornar-se um pesadelo. Está quase tudo fechado, e os poucos sítios que estão abertos têm enchentes inacreditáveis, entre locais e turistas (sim, porque o Porto está a ficar quase tão mau como Lisboa no que respeita ao número de turistas).

Andávamos à procura de um restaurante vegetariano (um dia voltamos a esta questão) e dos poucos que estavam abertos, aquele que mais nos foi recomendado foi o daTerra, na zona da Baixa. Vegetariano em versão buffet, e pelo preço pareceu-nos boa ideia. Mal sabíamos nós ao que íamos.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

13h30, restaurante cheio. A fila chega à porta, mas não percebemos se é fila para sentar ou para o buffet (porque percebemos logo que temos de ficar na fila para ir buscar a comida). Na ardósia atrás do balcão está escrito para esperamos pelo empregado para nos sentar, o que não acontece. 2 pessoas a servir numa sala que tem capacidade para umas 60 pessoas (e uma esplanada com mais uns 15 lugares) resulta numa desorganização incrível. Há gente a entrar e nem ligar à fila, indo directamente para as mesas que acabaram de ficar vazias. Há mesas com indicação de reservado que ficam vazias durante o tempo todo que lá estamos. Há gente que simplesmente fica na fila para o buffet sem sequer ter mesa, na esperança de depois de tanto tempo conseguir sentar-se. E no meio de tudo isto, esses 2 empregados parecem baratas tontas, a correr de um lado para o outro, a levantar pratos sujos, levar bebidas, recolher pedidos, trazer contas. Porque os restantes 4 estão atrás do balcão, a fazer… “coisas”. Muito mau.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

Os empregados são claramente poucos para um restaurante cheio, mas o pior do daTerra Baixa não são os empregados. Nesta nossa experiência de almoço, o pior mesmo foram os clientes. Porque ser vegetariano não quer dizer que não sejas um animal como pessoa. E aqui vimos muitas bestas dessas.

É o sentar em mesas onde já estão coisas de outras pessoas e nem ligar. É o passar à frente da fila do buffet, com o pretexto de “ir ver o que há”. Ou pior, é mesmo o passar à frente da fila do buffet sem pretexto nenhum. 10mn de fila, pelo menos, e durante esse tempo é ver pessoas a ir directamente ao balcão de buffet e começar a tirar coisas, por entre as outras pessoas. E a resposta à indignação de quem espera? Um encolher de ombros ou uma resposta menos bonita. Lá está, ser vegetariano não significa que não sejas um animal de primeira.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

Conseguimos, por apenas duas vezes, enfrentar 10mn a 15mn de fila para retirar qualquer coisa de um buffet com poucas alternativas e ainda menor capacidade de reposição. Vimos noutros pratos algo tipo sushi, quiches e outras coisas, mas aqui a composição do nosso prato é tipo uma lotaria: se chegas à frente na altura em que os tabuleiros estão todos cheios ou quando há coisas interessantes, boa! Se tens azar, vês muita louça vazia ou comes sempre o mesmo.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

E, finalmente, a comida. O motivo porque antes não era especialmente fã da comida vegetariana era apenas um: a constante falta de sabor. E se é verdade que agora as coisa mudaram muito, também é verdade que essa falta de sabor foi uma constante em praticamente tudo aquilo que provámos no daTerra Baixa. E a desculpa até pode ser o facto de ser buffet, mas isso é uma desculpa que não aceito em lado nenhum. Se com buffet vamos diminuir a qualidade, isso é quase como chamar estúpidos aos clientes. O buffet pode ser mais limitado a nível de complexidade, mas o sabor tem de estar lá. Ou devia.

Há muitas saladas e snacks, mas nada realmente surpreendente ou mesmo muito saboroso. Fatias de pepino com um molho de abacate sem sabor nenhum, ou fatias de tomate com uma pasta que nem se percebia do que era. Wraps que pareciam de salmão sequíssimos (seriam talvez de abóbora, mas como não estava assinalado, não conseguimos saber). Saladas pobres e alguns fritos completamente desinteressantes (com a excepção as chamuças, mas desapareciam à velocidade da luz). Uma salada ripada com abacaxi que não sabe a rigorosamente nada, uns cogumelos salteados que não passam do registo normal e uns bifes de seitan pavorosos. 

Safou-se uma espécie de caril de vegetais, bem apurado, a sopa e a focaccia. E pronto.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

A experiência em si foi péssima, ainda que muita da culpa tenha sido dos outros clientes. Mas os clientes educam-se, e aquilo que sentimos é que realmente não havia staff suficiente do restaurante para controlar tudo o que estava a correr mal. E isso já é um problema de gestão.

Pior do que tudo isso, a questão da comida. Mesmo sendo buffet, esperávamos muito mais. Aliás, nem é uma questão de expectativas, tem de ser uma questão de dar aos clientes o melhor possível. E a comida do daTerra Baixa fez-me voltar no tempo cerca de uns 3 anos atrás, quando ainda havia poucas opões vegetarianas e era tudo de fugir a nível de sabor.

E outra coisa: o restaurante não tem multibanco (saiba-se lá porquê). Mas isso só está sinalizado, de forma muito “suave”, na caixa, onde ninguém tem de ir porque a conta é pedida na mesa.

daterra restaurante vegetariano baixa porto

Preço Médio: 12€ (buffet, com bebida, ao fim-de-semana)

Informações & Contactos:
Rua Mouzinho da Silveira, 249 | 4050-421 Porto | 22 319 9257

Comentários

Comentários

5 Replies to “daTERRA BAIXA (Porto)”

  1. E ainda dizem que comer carne é que torna as pessoas agressivas… Esta malta vegetariana atacou-vos, no FB, com mais violência que um fanático de futebol. Ái de quem disser que não gostou… Quanto aos efeitos da comida vegetariana estamos portanto conversados. Por outro lado gostei de ver a paixão com que defendem o “seu” restaurante.

  2. Caramba, a pessoa apenas disse que parecia de salmão, mas como não estava nada escrito, acabou por não saber o que era realmente. Em nenhum momento questionou esse aspecto do restaurante! Não conheço o espaço e até aceito que possa ter sido um dia mau, mas excepcional, mas se assim aconteceu os donos devem usar esta crítica para melhorar e não para esmorecer e desistir. Podemos sempre ouvir a opinião dos clientes e tentar crescer bem 👍

    1. ondevamosjantar.com says: Responder

      Obrigado, Armanda!

  3. Bom Dia. Normalmente não comento este tipo de posts mas desta vez acho que devo. Tiveram azar! Foi um dia infeliz para eles. Já lá MUITAS vezes e só encontrei este cenário uma vez (Foi bem aborrecido). Normalmente funcionam bem, tem funcionários amorosos, com cartão cliente, durante a semana, pagas 8€ (é mto baratinho), tem mtas saladas e frios mas habitualmente há 3 pratos principais (uns dias melhores que outros).
    Talvez necessitem melhor o sistema de buffet para que não se amontoe tanta gente, mas acho mesmo que lhes acontece pontualmente.
    Todos temos dias maus e ao que parece vocês não tiveram sorte.
    *

    1. ondevamosjantar.com says: Responder

      Obrigado pelo comentário, é para isto mesmo que serve esta plataforma, para dar opiniões. Acredito que tenha sido um mau dia, é verdade, e comecei exactamente por escrever isso: domingo, com tudo o resto fechado… Nada a dizer em relação à simpatia do staff, também é verdade, mas eram insuficientes para o número de clientes. Em relação à comida, pois se calhar tivemos azar, ou fomos vítimas das circunstâncias (muita gente, tentar apressar a reposição do buffet…). Mas muito obrigado pela partilha da sua opinião!

Deixe uma resposta